Fundo Claro


            X-RAYS : a blessing or a risk?                   Raios-X : uma benção ou um risco?

The X-Rays were discovered more than 100 years ago. During this time they became an essential aid to diagnosis.Taking an X-Ray picture however, means passing radiation through the body and this is concerning more and more people about the negative effects of it. It’s said that X-Rays may cause cancer. In fact the risk is tiny and depends on what part of the body is irradiated .A chest X-Ray is equivalent to three days of normal (natural) radiation. An X-Ray of the spine is equal to one year of normal radiation. A single X-Ray of the breast, as in mammography exams, is equal to six months of natural radiation. The risk of getting a breast cancer as a result of mammography is about 1 in 600,000.

It’s uncomfortable to think that something designed to help can give us a disease, but the risk is so small that the advantages of discovering a cancer while it’s still treatable can’t be forgotten. Everything is a matter of choice, as it happens daily in our life. Nevertheless, it’s important to avoid X-Rays exams in some conditions:

• If a woman is pregnant the X-Rays can affect the fetus.
• X-Rays can build up in your body along the years. Keep a note of how many exams you did.
• Ask the doctor if it’s possible to use other diagnosis method instead, like magnetic resonance for example. Of course it depends on several factors. Finally, X-Rays have been a good diagnosis method along the last 100 years. Today the amount of radiation is carefully controlled making the risks even smaller. It seems they are going to be used for many years, at least until some new technology makes possible to look inside the body without risks to patient’s health.

What about you? 
What do you think? 
Are X-Rays a blessing or a risk?

 

Os Raios-X foram descobertos há mais de 100 anos. Durante este tempo eles se tornaram uma ajuda indispensável ao diagnóstico. Fazer uma imagem de Raios-X, no entanto, significa passar radiação através do corpo e isto está preocupando cada vez mais pessoas. Dizem que pode causar câncer. De fato o risco é diminuto e depende de que parte do corpo é irradiada. Um Raio-X do peito é equivalente a três dias de radiação normal(natural). Um Raio-X da espinha é igual a um ano de radiação normal. Um simples Raio-X do seio, como nos exames de mamografia, é igual a seis meses de radiação natural. O risco de adquirir um câncer do seio como resultado de mamografia é de 1 em 600.000.

É desconfortável pensar que algo destinado a ajudar possa causar-nos uma doença, mas o risco é tão pequeno que as vantagens de descobrir um câncer enquanto ainda é tratável não podem ser esquecidas. É uma questão de escolha, como acontece em nossa vida diária. Entretanto, é importante evitar Raios-X em algumas condições:

• se a mulher estiver grávida os Raios-X podem afetar o feto.
• Os Raios-X podem ter efeito cumulativo no corpo ao longo dos anos. Tenha anotado quantos exames você já fez.
• Pergunte ao médico se é possível usar outro método de diagnóstico em vez de Raios-X, como ressonância magnética, por exemplo. É claro que isso depende de vários fatôres. Finalmente, os Raios-X tem sido um bom método de diagnóstico ao longo dos últimos 100 anos. Hoje em dia a quantidade de radiação é cuidadosamente controlada tornando os riscos bem menores. Parece que eles continuarão a ser usados por muitos anos, pelo menos até que alguma nova tecnologia torne possível olhar dentro do corpo sem riscos à saúde do paciente.

E quanto a você?
O que você acha?
Os Raios-X são uma benção ou um risco?